Churrasco de varal

Churrasco de varal: O novo queridinho dos amantes de carne!

379

Churrasco de varal: Que brasileiro não gosta de um bom churrasco? Preparar um suculento pedaço de carne em fogo não é uma tarefa tão simples quanto parece. Nos últimos anos, a criação de técnicas, cortes e temperos especiais fez com que a função do churrasqueiro fosse deliciosamente aprimorada.

Não se conhece nenhuma referência histórica da origem do churrasco, acreditamos que, a partir da descoberta do fogo ainda na pré-história, o homem passou a assar a carne ao perceber que o processo a deixava mais macia. Desde então, essa iguaria não parou mais de evoluir. Aqui, em terras tupiniquins, chamamos de churrasco toda carne assada na churrasqueira ou diretamente no solo, este sendo mais conhecido como fogo de chão. É sobre essa modalidade que vamos nos deliciar aqui em nossa coluna.

churrasco de varal

Fogão a Lenha é sucesso no Dom Pinheiro!

A costela de fogo de chão surgiu nas fazendas dos pampas gaúchos, onde os fazendeiros matavam o gado para consumo próprio e se apoderavam apenas das carnes nobres como picanha, maminha, alcatra, file mignon, entre outras. As costelas, que eram consideradas não nobres e com difícil manuseio de preparo, eram entregues aos peões que, enquanto cuidavam do gado do patrão, faziam um buraco no chão, cravavam a costela em lanças e a deixavam ali, assando por muitas horas.

O churrasco de varal nada mais é que aproveitar todo o calor de fogo de chão e acrescentar em varais laterais demais cortes, legumes e até mesmo algumas frutas que poderiam tanto ser finalizadas ali, ou apenas um pré-cozimento para estas serem servidas em harmonização com a costela.

Saladas de todos os tipos

Aqui em nossa região, o restaurante Dom Pinheiro, em Valinhos, sob o comando da Chef Milena Lessa, tem o melhor churrasco de varal que eu já provei. Ambientado em uma das áreas rurais da cidade, o restaurante abusa de uma mistura regional que deu super certo: fogão a lenha com um menu rico em gastronomia mineira da região sudeste, que acompanha o majestoso churrasco de varal típico da região sul. O salão principal avarandado fica a menos de 50 metros de onde o show maior acontece, o que nos permite apreciar com os olhos e sentir o delicioso cheiro do preparo.

Deliciosas sobremesas

O inicio dos trabalhos começa as 4:30 da manhã quando a costela, temperada apenas com cerveja e
sal grosso, é cravada em meio ao fogo para iniciar o processo, que só será finalizado por volta do meio dia. Do decorrer desse tempo novos cortes, como costelinha suína, panceta recheada, joelho de porco, variedades de linguiça, frutas, como abacaxi e banana, e alguns legumes são pendurados nos varais laterais. Além do calor, a fumaça produzida pela gordura da costela escorrendo ao fogo ajuda no processo de defumação aromatizando e dando ainda mais sabor aos alimentos que ali estão pendurados. O destaque entre os legumes é para a abobora cabotiá que, depois de cozida e defumada nesse processo, vai para cozinha para ser finalizada e reduzida a um delicioso quibebe, servido no fogão a lenha entre torresmos e polentas artesanalmente preparadas ali. Tudo isso pode ser harmonizado com vários estilos de cervejas artesanais que compõem uma carta com mais de 08 estilos diferentes. E aqui vai uma dica: reserve um espacinho para finalizar com uma das deliciosas sobremesas oferecidas, em especial a mousse de chocolate, que é preparado seguindo a risca a receita típica francesa, que, além do sabor original de chocolate, deixa em sua boca um gostinho de quero mais inexplicável.

A fórmula secreta para a riqueza de sabor de tudo que ali é preparado vem de dois fatores básicos em gastronomia. O primeiro é utilizar apenas temperos artesanais preparados no próprio restaurante minimizando a zero os industrializados e o segundo empregar amor e respeito a tudo que esta sendo feito.

Estar no Dom Pinheiro é garantia de desfrutar de um momento agradável, familiar, com inúmeras atividades para crianças em um ambiente rustico perto da natureza e o melhor: cheio de sabores quem encantam e conquistam diferentes paladares, proporcionando uma experiência única.

Gastronomia In Foco

Diego Macan graduado em administração e supply chain. Abdicou de uma carreira de quase duas décadas para fazer do hobby sua realização profissional Especializado em gastronomia, faz 3 anos que assumiu como profissão a arte de cozinhar e encantar as pessoas pelo paladar.

Email:

Chefdiegomacan@yahoo.com.br

Telefone:
19 99715 7287

Instagram:

@chefdiegomacan