Dia da Pizza! Aprenda a harmonizar pizzas e vinhos

98

As Pizza são famosas no mundo inteiro. Consistem em um disco de massa, regado com molho de tomate e coberto com ingredientes variados, como queijo, carnes, ervas. No Brasil, no dia 10 de Julho é celebrado o dia da Pizza.  E para acompanhar uma boa massa, nada melhor que um bom vinho.

Mas… qual vinho? Está aí uma tarefa interessante. Se você prestar atenção no cardápio de uma pizzaria, vai se deparar com uma imensa diversidade de sabores, que incluem peixes, como atum; carnes – calabresa, lombo, bacon, frango; verduras e legumes; e uma grande variedade de queijos, dos mais leves, como o catupiry, aos de sabor forte, como provolone ou gorgonzola. Para facilitar sua escolha o Agenda IN separou algumas dicas para você. Confira:

 

Pizza Marguerita  e Vinho Chianti  

Um dos vinhos célebres da Toscana, o Chianti é, sem dúvida, um dos rótulos italianos mais conhecidos e populares em todo o mundo. E um vinho tradicional  é perfeito para harmonizar com um dos sabores mais tradicionais que existe;

 Pizza de Atum  e  Vinhos rosé

O vinho rose complementa muito bem pratos leves, como peixes e frutos do mar.. O motivo está em sua leveza, sabor agradável e frescor, característica esta obtida pela acidez, que é ligeiramente acentuada nesse tipo de vinho.

Pizza de Calabresa/Peperoni –  Cabernet Sauvignon

pizza de Calabresa, combina muito bem com uma taça de Cabernet Sauvignon. O motivo? A gordura encontrada nesse tipo de linguiça é muito bem acompanhada pelos marcantes taninos dessa uva da espécie Vitis vinifera a partir da qual é fabricado vinho. Originária da região de Bordeaux, no sudoeste da França, ela é a uva vinífera mais difundida no mundo, encontrando-se em todas as zonas temperadas e quentes. É conhecida como “a rainha das uvas tintas”. É resultado do cruzamento entre as uvas cabernet franc e sauvignon blanc.

Pizza de Rúcula – Sauvignon Blanc

Apesar de sua origem “selvagem”, e quem já viu uma de suas videiras sabe a que nos referimos, o Sauvignon Blanc está entre os mais amistosos dos vinhos. E sua versatilidade faz com que ele combine com os mais variados sabores de pizza como o de Rúcula ou até a de Brócolis.

Pizza Napolitana – Pinot Grigio

Originária da Borgonha, na verdade é uma mutação da Pinot Noir, mas hoje é bem mais encontrada na Alsácia e no Norte da Itália, onde produz vinhos muito interessantes, com um aroma rico e condimentado e média acidez. Às vezes são bastante estilosos, mas alguns, elaborados em larga escala, podem ser um tanto comerciais. São a última moda nos Estados Unidos neste momento.  E combina perfeitamente com os igredientes presentes na napolitana tradicional.

Pizza Portuguesa – Jerez

O jerez, também conhecido como sherry e xerez, é produzido há de dois mil anos e é considerado um vinho bem complexo. Sua complexidade, fica em torno de suas diferentes facetas, uma vez que pode ser encontrado em diversos estilos. Muito versátil, possui versões que vão de seco, pálido e delicado até a potentes e açucarados.  E por se complexo e variado combina com uma pizza com diversos ingredientes como a pizza portuguesa.

 

Pizza de Aliche – Espumantes 

Por ser tão salgada e distinta a pizza de aliche merece uma companhia mais leve e refrescante por isso qualquer espumante pode ser uma companhia perfeita para esta receita.

Pizza 4 queijos – Barbera

Vinhos de Barbera são normalmente gastronômicos. Por serem leves e frutados, combinam com uma grande variedade de comidas. Como prosciutto, funghi secchi, pescados defumados, massas com molho de tomate fresco, antepastos, embutidos e bacalhau e queijos. Por seu sabor forte, não seria qualquer vinho que iria combinar com essa pizza.